quinta-feira, novembro 17, 2011

Diga NÃO à ansiedade!

Oi meninas, voltei! Hoje vou falar pra vocês uma coisa que aprendi com esses anos todos de dieta.

Hoje estava passeando pelos blogs e vi muitas meninas fazendo dietas restritivas e perdendo peso muito rápido. Até que achei um blog em que uma blogueira dizia que estava fazendo uma dieta que não era digamos assim, tão saudável pois cortava carboidrato, não deixava ela comer frutas, enfim. Até que entrei no blog dela e comentei a minha opinião, essa que vou falar exatamente nesse post.

Quem me conhece sabe que eu sou uma pessoa extremamente ansiosa (faço até tratamento pra isso). Quero tudo rápido, tudo pra ontem. Só que depois de anos fazendo dieta e lutando pra chegar ao meu pesinho lindo de 58kg, cheguei a conclusão que não adiantar ser ansiosa em relação a dieta. Vou contar minha história pra vocês entenderem como cheguei a essa conclusão.

Quando era novinha eu era extremamente magra, até minha mãe tinha medo da minha magreza, eu só tinha cabeça! rs Mas conforme eu fui crescendo (por volta dos meus 7 anos), me ofereceram comida demais (ainda mais que eu sempre morei com minha avó e sabe como é avó, né) acho que até por terem medo da minha magreza. Só que em vez de me ajudar, me prejudicaram! Aos 10 anos eu já era gordinha. Aos 12, chegando na adolescencia, isso começou a me incomodar. Comecei a me achar feia e insegura perante as pessoas, minha auto estima baixou muito, o que acredito que tenha contribuido muito para minha timidez excessiva. Até que aos 14 anos, me apaixonei pelo meu primeiro namorado e como achava que ele só iria olhar pra mim se eu emagrecesse, meti as caras na dieta! Emagreci horrores até chegar ao meu sonhado 57/58kg. Estava ótima, minha timidez diminuiu muito, minha auto estima estava lá em cima, como nunca havia estado antes. Comecei a namorar ele e namoramos por pouco tempo. Até que no fim do namoro, talvez pela decepção pelo término e por outros problemas que apareceram na minha vida, engordei tudo de novo e mais um pouco, chegando ao meu máximo de 72kg. Foi aí que decidi fazer dieta de novo, pois aquela deprê de antes, a timidez excessiva, a falta de confiança e a auto estima baixa, voltaram. Aí comecei a emagrecer aos poucos, cerca de 2kg por mes até chegar aos 65kg. Só que como fui perdendo aos poucos, demorou para que eu chegasse aos 65 e como eu sou muito ansiosa não aguentei mais esperar. Até que fiz essas dietas rígidas e emagreci +3kg em pouquissimo tempo (menos de um mês). Só que depois da dieta rígida o que vem? A compulsão alimentar! E o que aconteceu? Engordei os 3kg em menos de 3 dias! Como assim, gente? Como posso engordar 3kg em 3 dias? Séria possível eu ter comido cerca de 7000 calorias por dia?? Claro que não né? Tudo resultado da má alimentação das dietas rigorosas e que prometem perda de peso rápida. Hoje, mais calma e menos ansiosa, venho dizer pra vocês que talvez ainda não tenham passado por esse aprendizado que passei (e que sou muito feliz por ter passado por ele), que não façam dietas rigidas, nem que prometem perda de peso rápida! Gente, eu li uma matéria, que vou trazer pro blog em outros posts, que não devemos fazer dietas com menos de 1200 calorias. E que também é errado emagrecer mais de 1kg por semana. Vamos com calma, fazendo dieta sem passar fome e sem cortar qualquer tipo de alimento, seja ele carboidrato, proteína, enfim. Apenas evite frituras, gorduras e doces. Se pintar uma festa não se desespere! Coma, mas não se entupa. Faça um pratinho com salgadinhos e se proponha a comer só o que está ali. Na hora do bolo, uma fatia basta! Não devemos comer com o cérebro e sim com o estômago! Nosso estômago é muito menor do que comemos, ele se contenta com pouco!

Existe uma frase que a Lucilia Diniz disse uma vez que eu adorei que foi: "Coma para viver, não viva para comer!" A comida é fonte de prazer, mas não devemos ser, de maneira alguma, escravos dela!!

Hoje, voltei aos meus 65kg. Mas nunca mais voltei para os meus 72kg que perdi aos poucos e com paciência. Serviu de lição!

Estou fazendo minha dieta de 1200 calorias + a bicicleta ergometrica. Só me pesarei no mês que vem, para não alimentar a ansiedade!!

Espero que o post sirva para vocês refletirem e pensarem se vale a pena mesmo deixar a ansiedade dominar. De grão em grão a galinha enche o papo! Vamos com calma!!!

Beijos

9 comentários:

Edilaine disse...

Olá tudo bem?
Se quiser uma nova amiga...
estou por aqui
um abraço!

Negra Belíssima disse...

Eu tmb sou compulsiva e as vzs qr td pra ontem e com isso cobro mt de mim e me sentia mt inferior.
Hj em dia mudei muito, luto por permancer assim e melhorar sempre.
Só Jesus pra nos dar força pq as vzs a ansiedade vem por coisas que temos que enfrentar na nossa vida.
Beijocas, Aline Cristina
http://negrabelissima.blogspot.com

Thaty disse...

Adorei o Post, já fiz muita dieta restritiva tb, agora finalmente resolvi procurar a ajuda de um nutricionista e os resultados já começaram a aparecer.

Ninha disse...

já fiz muita dieta maluca tb. E tem muita menina desorientada Barbara..Conversava com uma que praticava NF (e eu lá sabia o que era NF...fui pesquisar - No Food)..gente, como pode?

na busca pelo equilíbrio né?

Operei há cerca de 1 ano (fiz gastroplastia) mas ja parei de emagrecer tem um tempinho e agora só depende de mim...a luta continua amiga.

beijos

EU FAÇO MINHAS ESCOLHAS ! disse...

Barbara, vim lhe agradecer por seu comentário em meu blog.
Cheguei aqui e me deparei com sua história.
Eu tbém não sou muito adepta a dieta restritivas, mas tentei a dukan justamente em busca de um emagrecimento rápido, tentando sanar esta minha ansiedade na busca pelo meu peso ansiado!
Não pensei que minha postagem fosse dar tanta polemica, afinal só disse o que eu achava... achei engraçado pois só contei minha experiencia, outra doidera, fiquei preocupada justamente com a velocidade que se emagrece, bem como se recupera..., obviamente só fi as duas primeiras fases, mas como percebi que não conseguiria levar a diante, resolvi parar logo no inicio...
Foi uma experiencia interessante, consegui me mostrar que sou capaz de algumas coisas que não acreditava ser, tipo não comer pão.
Mas na minha cabeça, aquilo não era alimentação saudável, e meu conceito de estar magra, está intimamente ligado a estar saudável e a viver bem, isso inclui o prazer da boa mesa.
Mas sabe o que super valeu?
Poder te conhecer e o seu cantinho mais um pouco!!!! Virei seguidora ok? Vamos juntas no caminho da RA!
BJocas

EU FAÇO MINHAS ESCOLHAS ! disse...

Querida Barbara, vc em momento nenhum me ofendeu, e nem poderia pois vc deu sua opinião e que eu achei muito bem vinda por sinal!!!! Olha eu gosto de sinceridade!!!!!!E tbém sou muito sincera!!!! É sempre bem vinda a meu blog, até citei vc no meu post de hoje!!!
Bjocas

carla disse...

Olá Barbára, vim te conhecer, amiga eu penso exatamente como vc, nada que é restrito flui o efeito saudável.
Olha eu emagreci 12 klos com Ra, já fiz de tudo na minha vida pra emagrecer e nada surtiu efeito, e hoje posso te dizer a RA foi a melhor escolha que eu fiz pra mim. Desde o começo dela eu fiz assim: não restringi nada, apenas reduzi pela metade tudo o que eu comia, a única coisa que eu risquei de ve z da minha vida foi o refrigerante, que eu nunca fui muito fã, tomava por tomar, hoje quando saiu pra comer fora tomo somente agua nem suco eu tomo mas, e só tomo agua quando eu intalo com a comida, porque eu aprendi que beber junto com a alimentação dá gases incha a barriga e coisa e tal,, então vivo assim e me sinto super satisfeita, e feliz com os resultados. Obrigada por sua presença em meu cantinho e te espero sempre lá, seja muito bem vinda, gostei muito de vc, beijos e um abençoado fds.

Euzinha light disse...

Florzinha querida obrigada pelo carinho,muito bom encontrar palavras que confortam num momento como esse.Bjs

Thaís disse...

E vc está corretíssima Bárbara. Temos de dar 1 passo de cada vez para não tropeçar, como eu fiz :(

bjos